Os acidentes acontecem, fazem parte da vida. São as terríveis surpresas que nos traz o simples facto de viver. São muitos os que têm um seguro de vida ou de acidentes pessoais, mas avisámos quem colocámos como beneficiários?

A maior parte das vezes, contratamos os seguros e colocamos os beneficiários sem nos lembrarmos de os avisar. Talvez, simplesmente no meio da dor, esqueçamos que essa pessoa pensou em deixar-nos numa melhor situação económica.

O fundamental, neste caso, é que os capitais que tiverem contratados acabem por ser entregues àqueles por quem tratamos da contratação.

Por isso, existe um registo central que lhe permite consultar se é beneficiário. Basta apresentar a documentação que justifique a sua consulta.

Onde obtenho esta informação

Para formalizar o pedido, preencha o formulário "Pedido de Informação sobre Seguros de Vida, Acidentes Pessoais e Operações de Capitalização", disponível no endereço electrónico da Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões (ASF)

De que precisa para realizar a consulta

Para se dirigir à Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões, tem de apresentar alguns documentos:

  • Certidão de óbito ou da declaração de morte presumida do potencial segurado / subscritor;
  • Documentos de identificação civil e fiscal do requerente e/ou interessado;
  • Caso o pedido seja efetuado por representante, documento comprovativo dessa qualidade;
  • Caso o pedido seja efetuado por pessoa coletiva, certidão do registo comercial.