A minha família sempre teve uma forte relação com o campo.

As crianças da família corriam livres por baixo das árvores e das vinhas, enquanto os adultos faziam as suas coisas. Apanhávamos os frutos que caíam – nozes, uvas, ameixas – e atirávamos uns aos outros. Éramos felizes com as coisas mais simples!

Nesses jogos ao ar livre, lembro-me de brincar com outras meninas a fazer bonecas com coisas do campo. Usar as folhas de videira como vestidos e paus como braços e pernas. Mas definitivamente a minha favorita foi uma boneca feita com espiga de milho, num pomar perto das vinhas. Quem a fez foi o meu avô, num Natal cheio de alegria, no principio dos anos 90. Quando a vejo, lembro-me daqueles tempos, e dos meus passos pelo campo.

Hoje, é uma boneca velha e estragada, mas cheia de memórias que as crianças de hoje não entendem, e eu gostaria de recuperá-la para partilhar com os meus filhos.

Participe também no Hospital dos Brinquedos e tenha um Natal mágico.

Publicado: 10-08-2018