Muitas pessoas não estão preparadas, nem mental nem economicamente, para enfrentar uma doença grave como o cancro, um enfarte do miocárdio ou problemas vasculares, mesmo que tenham uma cobertura médica adequada.

O objetivo dos seguros de doenças graves, cada vez mais habituais, é ajudar economicamente o paciente ou os seus familiares, para que possam focar-se na recuperação e para que o impacto económico seja o menor possível. Estes seguros podem permitir também um melhor diagnóstico ou escolher um tratamento em medicina privada em qualquer país.

O que é um seguro de doenças graves?

Graças aos avanços da medicina, a percentagem de sobrevivência de muitas doenças que antes eram fatais – como cancro ou enfarte – cresce de ano para ano. Por exemplo, em 2016, cinco em cada seis mulheres diagnosticadas com cancro de mama nos Estados Unidos, sobreviveram à doença.

Ainda assim, as doenças coronárias como o enfarte ou a angina de peito, ou vários tipos de cancro, continuam a ser algumas das principais causas de morte no nosso país. Segundo os dados do Eurostat, em Portugal uma em cada quatro pessoas morre de cancro (24,8%) e nas faixas etárias abaixo dos 65 anos a percentagem chega quase aos 40%, enquanto ocorreram cerca de 23.000 mortes por doenças cardiovasculares, das quais cerca de 16.000 por AVC e cerca de 7.000 por enfarte do miocárdio¹.

Como consequência, muitas pessoas não estão preparadas para lidar com os gastos associados à recuperação, e neste sentido um seguro de saúde pode ser uma ajuda preciosa. No entanto, muitos dos seguros não incluem todas as coberturas nem contemplam certos gastos, como alojamento, cuidados para as crianças, alimentação, reabilitação, etc.

Um seguro de doenças graves ajuda a complementar os benefícios de outros seguros e melhora a capacidade financeira para enfrentar a doença.

Como se procede ao pagamento do capital seguro de um Seguro de Doenças Graves?

Poderá depender dos vários tipos de seguro. Quando a pessoa segura é diagnosticada com uma das doenças cobertas pela apólice, o mais habitual é que receba a totalidade do capital seguro num só pagamento.

Como funciona um seguro de doenças graves?

Na maioria dos seguros, a utilização do capital seguro não é condicionada. Isto significa que o mesmo, após ser recebido, pode ser utilizado livremente naquilo que o beneficiário da apólice desejar (pagar um empréstimo, tratamentos médicos, viagens, gastos domésticos, etc.).

Como saber se devo contratar um seguro de doenças graves?

Naturalmente, é uma decisão pessoal. A maioria dos seguros não permite contratação após o diagnóstico de uma doença grave, ou caso existam sintomas de tal. Como indicado no início deste artigo, a incidência de doenças graves é cada vez maior, devido ao aumento da esperança média de vida, mas a percentagem de recuperação também é maior, portanto um seguro como este é um aliado perfeito para melhorar as possibilidades de diagnóstico ou tratamento, ajudar na recuperação e viver uma melhor situação económica após a doença. 

Que opções me oferece a MetLife?

A MetLife comercializa um Seguro de Doenças Graves, que se designa comercialmente por Seguro Futuro Tranquilo, que lhe permite estar protegido financeiramente face a um diagnóstico de doença grave, com um capital seguro entre 20.000€ e 40.000€. Este produto apresenta duas modalidades, permitindo uma melhor adaptação às necesidades e possibilidades de cada cliente. Oferece ainda o acesso a diferentes coberturas de assistência como serviço de ajuda domiciliária, apoio psicológico ou terapias alternativas para complementar a recuperação do titular do seguro.

 

Futuro Tranquilo – Cobertura do diagnóstico de 3 doenças graves

1. Cancro
2. Enfarte do Miocárdio
3. Acidente Vascular Cerebral

Futuro tranquilo PLUS – Cobertura do diagnóstico de 7 doenças graves

1. Cancro
2. Enfarte do Miocárdio
3. Acidente Vascular Cerebral
4. Intervenção Cirúrgica a uma Válvula Cardíaca
5. Intervenção Cirúrgica da Artéria Aorta
6. Revascularização Coronária (Bypass)
7. Angioplastia Coronária


Permita que os nossos mediadores o ajudem e descubra o que melhor se adapta às suas necessidades.

Contacte-nos através do telefone 808 500 005

(horário de atendimento – dias úteis das 8h45 às 12h45 e das 13h45 às 16h45)

 

Referências:

Publicado: 11-07-2018